Skip to content

Mais um “pionaise” no mapa

Segunda-feira, Novembro 28, 2011

Foto antigas ou curiosas

Esta foto está fora do contexto desta crónica, mas como a achei curiosa, aqui está para recordar o Caminho de Santiago de2007?2008? Como não fiz parte dessa aventura, não sei, mas alguém esclareça aos mais novatos o espírito desta “picture”

Mais um pionaise no mapa

Tantas vezes passamos por aquelas bandas e nunca nos apercebemos da existência daquele trilho no monte de Creixomil. Foi graças ao nosso amigo Ricardo Santos(Chicónight), que ficamos a conhecer um “novo parque” de diversão para as manhãs de domingo

Com características  técnicas  mais adequadas para burras donwhill ou suspensão total,  mas também  para  rigídas; palco de provas XCO  – há pouco tempo, o Ricardo participou  nesta “pista”,  numa prova a contar para o campeonato regional do Minho -, este traçado é uma tentação constante  para abraçar… uns troncos de árvores, só a muito custo e esforço se consegue resistir ao apelo em determinados locais para dar um abraço a um pinheiro ou um eucalipto profusamente plantados ao longo e no meio do caminho

É de facto um local simpático para treinar umas habilidades com as bikes. No final disseram uns quantos perdigueiros entusiasmados: “estes trilhos são muitoooo  fixes”, o que significa que, a partir de agora – e eu conheço muito bem estes dálmatas  amarelados -, serão brevemente explorados  nas  incursões semanais e quiçá dessa vez  até pode ser que as arvorezinhas nossas amigas  sejam bafejadas pela sorte e copulem com uma burra

E assim espetamos  mais um pionaise  no  nosso mapa  bastante povoado destas espichasinhas, a assinalar  mais um trilho maluco para esta cambada explorar  um dia destes

Antes tínhamos feito o aquecimento a subir  e a descer o monte de Gemeses e depois pelo caminho até Perelhal  íamos aproveitando as oportunidades de diversão que os tracks  sinuosos nos ofereciam a descer, e, se a subir era porreiro ver o Hélder (Marinheiro),  – que hoje regressou às lides depois de um longo período de ausência causado  por um braço partido -, e não só, a arrastar o burra  Scott de 16kg  monte acima, eh,eh, da mesma maneira foi porreiro, mesmo sem ritmo, vê-lo a descer à donwhilleiro, que é a modalidade do btt para onde está mais virado. Manias!!!

Hoje tivemos todos os ingredientes necessários para um bom treino: descontracção q.b. que é como devem  ser todos os treinos pelo meio da natureza como demostra uma vez mais a excelente reportagem fotográfica do Tozé – de salientar, por causa de dúvidas,  que as fotos são tiradas nos momentos de relax,  porque quando há  trabalho, todo o esforço e concentração são  necessários para não ficarmos pintados  em relevo num quadro com a burra por cima de nós, mas aí nesses  momentos  de envolvimento explicito com a alimária,  entra o nosso grande cameraman Chico a registar  todas as  burrices dos artistas em vídeo -, subidas, descidas técnicas, picanços, dois ou três capotanços, ataques a tangerineiras, laranjeiras e diospireiros fora do prazo, foi assim o treino d`hoje,  não faltou nenhum ingrediente, tudo muito bem condimentado com a boa disposição dêdêrriana e ainda deu,  logo no início da pedalada  para  matar  saudades e  gritar o “oh Vítor sai de cima”

Terminamos no café Pimenta  todos (ou quase), os que começaram  no Rafas:

Filipe, Chico, Paulo Pinho, Ivo, Berto, Hélder, Nelson, César, Tóze, Narciso e o nosso amigo o campeonissímo Ricardo Santos

Apúlia, domingo, 27 Novembro 2011

“duros de roer” – bike team btt Apúlia

As fotos do Tozé

Vídeos e arranjos de Francisco Ferreira (Chico)

3 comentários leave one →
  1. Milo permalink
    Terça-feira, Novembro 29, 2011 22:56

    Muito bem rapazes!!!
    Trilhos muito lindos, paisagens novas é disso que eu gosto, continuem a descobrir novos itenerários para quando eu regressar aos treinos de Domingo, vocês me mostrarem tudo.
    Poupem-me a criticas e a bocas foleiras OK!
    Sabem que eu só não apareço porque tenho de apresentar o que comer na mesa.

    Gostar

  2. francisco permalink
    Segunda-feira, Dezembro 5, 2011 0:22

    esta foto foi do 1º ano que fomos a Santiago em 2007, não vêm que o mota ainda tinha cabelo!!!!! e estavamos parados porque o Manel tava a concertar um furo.

    Gostar

    • Duros De Roer permalink
      Segunda-feira, Dezembro 5, 2011 22:19

      Obrigado Chico pelo esclarecimento, mas é notório que vocês todos se estavam borrifando para o furo do Manel. Com o Nelson presente, isso não aconteceria

      Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: