Skip to content

Tem a palavra o Chefe

Quarta-feira, Dezembro 31, 2014


Chefe

O chefe

DDR`s carissimos e dignissimos e outras palavras terminadas em issimo, é com enorme satisfação que mais uma vez  me dirijo às massas rafeirantes para fazer o nosso habitual balancete (espécie), do ano que ora está prestes a terminar.

Deveria ter feito esta faladura convosco, no sábado aquando do nosso jantar que, como sabeis foi bem animado ou não tivessemos o nosso grande artistaTozé homem valente a desafiar o artista das feiras, qual David contra Golias, a cantar ao desafio como gente grande e até fez uma bela quadra  dedicada ao Virgilio.

Antes de prosseguir quero saudar os nossos ddr emigrantes, Carlos Figueiredo, César Nogueira, Adélio Costa, Virgilio Souto, que mais uma vez nos deram a alegria da suas presenças, é sempre bom ver esta quadrilha de pesos pesados junta, sinal de vitalidade do grupo

Este ano embora não divergisse muito dos anteriores, houve no entanto alguns aspetos mais positivos e compensadores que o ano passado. Continumos com os nossos habituais treinos oficiais das quintas e domingos, que foram umas vezes mais concorridos outras menos, depedendo  da disposição do rafeiro no momento. Continuamos irreverentes, a reinar, a discutir quando é preciso e, a acima de tudo a divertirmo-nos pois isso é a base da nossa longevidade e camaradagem ao fim de tantos anos juntos e, a prova disso é que o nosso grupo continua a crescer muito contribuindo em parte a forma sustentada como o fazemos, pois o segredo continua a ser uma boa pancada do candidato em que lhe damos a hipotese de evoluir connosco durante um ano para ver o que são pancadas a sério. Como vêem os que não conhecem os meandros do grupo, nós só contratarmos valores seguros e as ultimas aquisições provam isso mesmo

Divertimo-nos imenso nas provas em que participamos ao longo do ano, no entanto nunca descuramos, a parte “eu ando mais do que tu” e  esfarrapamo-nos todos por fazer boa figura durante a refrega e quando chegamos ao fim, depois do alívio da dureza, é tão boa a sensação de bem estar por termos participado., como dizia um amigo  Marinheiro “eu gosto de ir para o mar por causa da alegria da chegada”.

Revisitamos os nossos circuitos radicais de estimação, quem é que se vai esquecer da incursão à Sra do Minho deste ano? Da ida à Portela com nevoeiro cerrado e dos belos trambolhões que lá realizamos? Do foclore da Descida ao Sarrabulho?As incidências do Caminho de Santiago e do show em Ourense? Aquele treino em que descobrimos Peralhovixlandia? As proezas e as histórias dos nossos treinos de domingo sempre com bons protagonistas nos enredos.

Mais a sério, tivemos os nossos guerreiros que gostam  de andar nos limites e que tantas alegrias nos deram e dignificaram o grupo com as constantes idas ao podium ao longo do ano: o Paulo, o Seara, O Solinho este o benjamim do grupo recentemente empossado com o famoso diploma Duro De Roer, para se juntar a este trio maravilha só falta a total recuparação do Diogo que ao que parece está para breve.Temos outro guerreiro na forja, o Marco pois ficou demonstrado na ultima Rota dos Melões, que tem estofo de campeão é só ele querer.

Tivemos tambem muito trabalho e se nos trilhos das Masseiras foi o mesmo do costume, mas nos trilhos do Luso Galaico foi diferente, uns mais que outros, todos trabalhamos a sério, toda a gente esteve  empenhada mas no fim de tantas canseiras e noite sem dormir, foi reconfortante  ouvir os elogios pelo trabalho realizado  ter corrido na perfeição.

Em Julho estivemos tambem envolvidos com no nosso stand nas jornadas gastronomicas e, modéstia à parte foi um êxito de “bilheteira”, tal como o passeio de Pais Natal que recentemente se realizou  que tambem teve uma casa muito boa

Tivemos de facto os nossos momentos, bons momentos e tambem algumas chatices e discusões, porque se não as houvesse o grupo perderia piada e carisma. O resultado final ao fim deste ano é francamente positivo. P`ro ano faço votos que seja melhor ou pelo menos como este ano e vamos lá a ver se em 2015 teremos uma ddr feminina, pois eu acho que já merecemos. O Futre até já apalavrou uma vamos ver se com o seu dom persuasivo a convence.

Para terminar quero dar os parabens ao Solinho que apesar de andar connosco desde 27 Setembro 2013, a primeira vez, se ter tornado agora o membro efetivo mais novo dos “durosderoer”., bem vindo à rafeirolandia Solinho

Os parabens aos nossos ddr que tão bem nos representaram ao longo do ano: Paulo Fernandes, Tiago Seara e António Solinho

E os parabens a nós todos que tambem merecemos e vamos lá a ver se para o ano algumas promessas se irão concretizar, por ex: uns arrozes de pato, umas febras lá para os lados de Viatodos enfim há muitas promessas que não podem continuar a ser adiadas ad eternum porque a cambada esfaimada é capaz de tudo até de devorar os gajos das promessas não é Chico?

E agora a vozeirão do grande Nelson com o volume no máximo: “eeeeeee o que é que nós somos?”:  resposta da cambada toda desafinada: “durosderoer”

BOM ANO A TODOS

 

 

One Comment leave one →
  1. cesar nogueira permalink
    Quarta-feira, Dezembro 31, 2014 23:16

    Esta cambada está mesmo uma rafeirada,feliz 2015

    Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: