Skip to content

Reminiscências do Luso Galaico 2017

Terça-feira, Abril 25, 2017

1.Que mal fiz eu, para ser castigado desta maneira, desabafava o dono do dorsal 618, a transpirar em bica por todos os poros, quase a desfalecer, enquanto empurrava lentamente à mão a bike pelos últimos metros da rua da Subida do Gerês – não é por acaso que esta rua, curta, 200m mais ou menos mas, com uma inclinação final a rondar os trinta por cento, tem o nome que tem.

O 618 era o espelho de uma pequena franja de betetistas participantes na prova Luso Galaico 2017, que a meio, já estavam completamente estoirados e que só a calorosa claque de apoio posicionada no cimo na tal Subida estuporada os fazia ganhar algum animo para transpor os derradeiros metros inclinados, para depois rogar pragas e coriscos a quem se lembrou deste modo biulento de tortura até recuperar algum fôlego e depois prosseguir na incerteza se teriam arcaboiço para chegar ao fim. Muitos não tiveram e era vê-los a descer o monte em direção ao ponto de partida. É a vida.

Se houvesse um prémio para a melhor claque de apoio, certamente que esta claque do Miradouro de Frossos, que não arredou pé do principio ao fim, não regateando aplausos, ganharia destacada, não só por moralizar as tropas a continuar, picando-as quando necessário, mas também pela boa disposição que transmitiu a todos, aos betetista e a nós que estivemos no primeiro controle num local privilegiado com uma vista soberba sobre o vale profundo pintado de verde e casas senhoriais rodeadas de quintas com arvoredos frondosos.

Obrigado gente boa de Curvos.

São estes deliciosos flagrantes da vida, que nos compensam das tantas e tantas horas perdidas.

2.Como que para assinalar o numero 15 da edição deste ano, ficou assente desde o primeiro esboço, que o perímetro do traçado das maratonas do LG2017, seria pelo concelho de Esposende  o que, pela morfologia do terreno, obrigou a um percurso um nadinha mais bravo do que em edições anteriores, de esforço físico de dificuldade média/alta, mas compensada por troços de enorme beleza paisagística e divertidos.

O fim de semana passado, foi totalmente dedicado em exclusivo ao Luso Galaico, foi o extravasar de depois de muitas canseiras durante meses na elaboração do LG2017, foi o dia de pôr à prova todo o esforço de dias perdidos e extenuantes para que esta mítica prova, uma das referências das clássicas provas de btt, decorresse sem percalços e, apesar de uma ou outra falha de pequena monta e disso a organização saberá tirar as devidas ilações, achamos que foi positiva. Estamos em crer que os participantes que cortaram a meta, uns mais, outros menos, como em tudo na vida, no fim deram por bem empregue a esforço despendido.

3.Quanto a nós, as equipas do terreno das meia-maratona, maratona e extreme, responsáveis e mentoras dos traçados, achamos que o objetivo foi conseguido. É claro que o veredito final cabe aos participantes e, se foi positivo, tal como dissemos no passado, temos bem presente que o sucesso não é obra do acaso, ou o final e, se alguma falha houve sem que nos apercebessemos não é fatal, o que conta agora é ter coragem para continuar, porque daqui a nada começa o Luso Galaico 2018 e a mística do Luso Galaico tem de continuar. E, são os quadros trágico/cómicos, com que começamos o texto e todos os participantes que nos dão força para continuar.

Pela nossa parte, endereçamos os parabens a todos os participantes e aos vencedores das diversas categorias, destacando os Apulienses por serem nossos conterrâneos: Emílio Hipólito na maratona; Eurico Cunha e João Pedro Faria no Extreme; António Solinho Soares na meia-maratona. Parabens

PS: obrigado a todos os nossos colaboradores que nos ajudaram do policiamento dos diversos cruzamento.

 

No comments yet

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: