O Anthony de Vila Cova

O Martinho, o Anthony de Vila Cova, uma freguesia do vizinho concelho de Barcelos, cujo grau de importância na geografia do concelho, quiçá do país, subiu depois da construção de uma ponte. Não temos informação certa, mas a fazer fé na foto publicada no Messenger pelo Anthony, desconfiamos que o mentor e construtor da sólida ponte, que muito irá beneficiará a…passagem das burras? Bom, não interessa, tenha sido o injinheiru Martinho.

O chefe de uma equipa, ou alguém com responsabilidade num grupo de trabalho, desporto ou outra coisa qualquer, quando se esquece de enaltecer as virtudes de alguém que por qualquer motivo sobressai no seio do grupo, não merece um minuto de atenção.

Atentem no pormenor da ponte ao que se supõe construida pelo injinheiru Martinho

Sendo assim, vamos lá falar de dois ddr que se destacaram no ultimo treino. Comecemos pelo Martinho por ser um dos ddr do dia e o mais bonito e também o mais badalado por causa da tal ponte robusta que construiu na sua terra.

O Anthony é na verdade um DURO, domingo mais uma vez demonstrou que desistir é para os fracos. Saiu de casa com a roda da burra em pantanas, confiado no apelo lançado no dia anterior através do Messenger, para que o grupo não o deixasse apeado, o que é sempre um risco com a esta seita e, sem se atemorizar que o maralhal o mandasse p`ro coiso e tivesse de voltar para casa com o rabo entre as pernas, no domingo lá apareceu com a burra sem ar dentro da carrinha e ficou à espera até que, alguém teve pena dele e o desenrascou, não fez como aquele pseudo ddr que uns dias antes desistiu por ter o pneu furado.

E o Anthony continuou a dar uma lição de fair play, durante os 120 kms de treino, nunca esmoreceu nem sucumbiu às bocas quando lhe chamavam lesma e outros epítetos do género, tudo encaixava na boa, chegando mesmo a dar moral ao chefe – com algumas dificuldades de saúde -, para…. apanhar um táxi!. Tambem não era preciso exagerar.

O Martinho é assim com um  fair play do tamanho do mundo e demonstrou mais uma vez que não é por causa de uma avaria e a falta de uma caixa toráxica cavalar, para ser um grande DURO. Grande injinheiru, grande Martinho.

O outro ddr do dia, foi o chefe Filipe que apesar de debilitado fisicamente e com falta de rodagem, aguentou 106km e com AVG a ultrapassar os 29km.

Foi um treininho engraçado, para desempoeirar para os 270km até Fatima daqui a quinze dias e para os Granfondistas que vão participar no próximo domingo na Régua no Douro granfondo.

Domingo há mais, até lá cuidem-se!!!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s